menu search

CulturaSesc Sorocaba apresenta agenda de shows de fevereiro

Foto: Panela do Samba | Rafael Benitez
Atualizado em às

O especial na linguagem musical da programação de fevereiro é o Samba da Minha Terra, prestigiando algumas rodas de samba de Sorocaba que, para além da base artística, se firmam como verdadeiras mobilizações populares, e buscam não apenas destacar a música, mas também a explorar as diferentes expressões artísticas e culturais que o samba inspira.

A programação ainda dá continuidade com o projeto Cio da Terra, dedicado a shows de artistas de Sorocaba e região. E com o projeto TrilhaJazz, apresentando artistas que partem da escola do jazz para criar obras que abrem diferentes portas para apreciação musical.

▾ CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE ▾

Confira a agenda completa da programação.

Dia 2/2 – Sexta 
20h | Don Betto
Cio da Terra

Don Betto povoa o imaginário brasileiro com suas composições e contribuições com grandes nomes da música brasileira. O uruguaio que, depois de muitas andanças, radicou-se em Sorocaba, celebra seus 44 anos de carreira, no show Nossa Imaginação, convidando Luiz Carlini, cantor, compositor e guitarrista, fundador da banda Tutti-Frutti, Lino Krizz, ex-integrante do grupo Motirô e Carlos Dafé, cantor, compositor e instrumentista, expoente da Soul Music.

O show tem classificação de 12 anos e lugares limitados. Vendas disponíveis em centralrelacionamento.sescsp.org.br, no aplicativo Credencial Sesc SP ou presencialmente, na Central de Atendimento.

Os valores dos ingressos são R$ 12,00 (credencial plena), R$ 20,00 (aposentado, pessoa com mais de 60 anos, estudante, servidor de escola pública com comprovante, pessoas com deficiências e seus acompanhantes) e R$ 40,00 (inteira).


Dia 4/2 – Domingo
17h | Panela do Samba
Samba da Minha Terra

O coletivo de artistas, compositores e ativistas do samba faz um show que celebra seus 15 anos em 2024, do qual passeia por sambas autorais inéditos e clássicos de compositores referências e que contribuíram para a sua história, como Zé Luiz do Império, Nelson Rufino, Paulo Perdigão, Dodô Andrade e Mestre Dadinho, velha guarda de baluarte da escola de samba Camisa Verde e Branco, que será homenageado no show.

No repertório ainda traz o samba de terreiro, samba canção, ijexá, samba enredo, calango, samba rural paulista e partido alto. Classificação livre. Grátis. Para participar é só chegar.


Dia 9/2 – Sexta
20h | Semente do Samba
Samba da Minha Terra

O projeto Cultural Semente do Samba é um movimento surgido em meados de 2008, na Vila Fiori, bairro de tradição no samba de Sorocaba. Neste show, o grupo apresenta músicas autorais mesclando com sambas clássicos e homenageia o mestre Beção da Cuíca, falecido em 2019.

A formação em roda preserva a tradição do samba de terreiro e sua instrumentação: surdo, pandeiro, cuíca, repique de anel, repique de mão, cavaco, banjo, violão 7 cordas, tamborim e agogô. Classificação livre. Grátis. Para participar é só chegar.


Dia 16/2 – Sexta 
20h | Marcos Valle
Show 80 Anos

Compositor, arranjador, instrumentista e intérprete, é autor de mais de 1.200 músicas, gravadas por nomes como Sarah Vaughan, Dizzy Gillespie, Elis Regina, Edu Lobo, Tim Maia, Roberto Carlos, entre outros. Neste show em comemoração aos seus 60 anos de carreira e 80 anos de idade, Marcos Valle estará acompanhado de Jefferson Lescowich (baixo), Renato Massa (bateria), Dudu Vianna (teclados), Jesse Sadoc (sopros) e Patricia Alvi (vocal), apresentando as novas parcerias, ao lado de seus grandes sucessos.

O show tem classificação de 12 anos e lugares limitados. Vendas antecipadas a partir do dia 6/2, às 17h, em centralrelacionamento.sescsp.org.br, no aplicativo Credencial Sesc SP ou presencialmente, na Central de Atendimento a partir do dia 7/2 às 17h.

Os valores dos ingressos são R$ 12,00 (credencial plena), R$ 20,00 (aposentado, pessoa com mais de 60 anos, estudante, servidor de escola pública com comprovante, pessoas com deficiências e seus acompanhantes) e R$ 40,00 (inteira).


Dia 23/2 – Sexta
20h | Silibrina
TrilhaJazz

Com influências de jazz, pop e de ritmos tradicionais do Brasil, como frevo, maracatu e baião, Silibrina apresenta composições nas quais manifesta a brasilidade, referências dos músicos da banda, liderada por Gabriel Nóbrega (piano, composições e arranjos), acompanhado por Ricardinho Paraíso (baixo), Jabes Felipe (bateria), Franci Óliver (percussão), Wagner Barbosa (saxofone), Reynaldo Izeppi (trompete) e Igor Bollos (guitarra), propondo novas possibilidades musicais.

Com apresentações na América Latina, Estados Unidos, Canadá e Europa, a banda conta com dois discos na bagagem: O Raio (2017) e Estandarte (2019).

Foto: Lucas René e Felipe Lion

O show tem classificação livre e lugares limitados. Vendas antecipadas a partir do dia 13/2, às 17h, em centralrelacionamento.sescsp.org.br, no aplicativo Credencial Sesc SP ou presencialmente, na Central de Atendimento a partir do dia 15/2 às 17h.

Os valores dos ingressos são R$ 12,00 (credencial plena), R$ 20,00 (aposentado, pessoa com mais de 60 anos, estudante, servidor de escola pública com comprovante, pessoas com deficiências e seus acompanhantes) e R$ 40,00 (inteira).


Dia 25/2 – Domingo 
17h | Samba de Agbara convida Marina Iris e apresenta Maria 7 Cordas
Samba da Minha Terra

Agbara é uma palavra em Yorubá que significa força, potência. É com essa força que o grupo se reúne, agregando mulheres e pessoas não binárias para resgatar a ancestralidade e homenagear outras mulheres que eternizaram o samba com suas vozes e composições.

Para esta apresentação, o grupo promove o encontro entre a experiência da cantora e compositora Marina Iris, grande referência para o grupo e  com a jovem violonista Maria 7 Cordas, de Tatuí, que vem se destacando no cenário do samba. Classificação livre. Grátis. Para participar é só chegar.


Confira mais sobre essas e outras atividades da programação do Sesc Sorocaba em sescsp.org.br/sorocaba.

SERVIÇO 

Sesc Sorocaba   
Rua Barão de Piratininga, 555 – Jardim Faculdade.
Fone: (15) 3332-9933.

Como chegar de ônibus
Terminal São Paulo
Linha 13: Santa Izabel/ Jd. Europa
Linha 71: Campolim via Raposo Tavares
Terminal Santo Antônio
Linha 65: Campolim
BRT
Linha D200: Terminal Vitória Régia/ Campolim

Subscribe
Notify of
0 Comentários
Inline Feedbacks
View all comments