Conheça iniciativas em prol da comunidade surda de Sorocaba

Associação do Amor Inclusivo, Integra Surdos e Ampara.in compartilham suas histórias pela luta da inclusão social

Notícias
26/04/2021
Foto: Arquivo Pessoal/Maria Angela Oliveira
Texto de Carol Fernandes

O mês de abril é marcado por duas datas importantes para o movimento das pessoas com deficiência: o Dia Nacional da Educação de Surdos (23/04) e Dia Nacional da Língua Brasileira de Sinais (24/04). Três iniciativas em prol da comunidade surda de Sorocaba (SP) fazem a diferença e contam, nesta reportagem, suas histórias pela luta da inclusão social.

Uma delas é a Associação do Amor Inclusivo (AAI), fundada em 2017 pela professora universitária Maria Angela Oliveira. A vida da educadora mudou quando soube que uma jovem surda, pela falta de um intérprete, decidiu parar de frequentar as missas da igreja em que dava catequese.

O acontecimento motivou ela a se especializar em Libras e influenciou para que começasse a dar aulas para surdos. Inicialmente, o ensino acontecia na casa de Maria Angela, mas logo o espaço ficou pequeno para tantos alunos e então, conseguiram um espaço em uma igreja. Até que o sonho de fundar a AAI de fato se concretizou.

Atualmente, a iniciativa atende 25 alunos surdos, sendo alguns oralizados, de 14 a 68 anos de idade. “Na associação, nós falamos com lábios e mãos simultaneamente, respeitando as duas línguas: a gramática da Libras e a Língua Portuguesa”, explica a professora.

associacao do amor inclusivo sorocaba e1619450317454

Foto: Divulgação/AAI

Durante a pandemia, a AAI tem promovido oficinas online aos alunos, com temas que vão desde alfabetização e letramento até artesanato e pintura.

“As pessoas com deficiência auditiva têm muita eficiência. É importante desenvolver metodologias, importante observar as habilidades que elas têm, como nós observamos na Associação”, ressalta.

A iniciativa também tem arrecado alimentos e produtos de higiene e limpeza, e doado às famílias dos alunos que necessitam. Para mais informações, acompanhe a AAI nas redes sociais: Facebook e Instagram, ou entre em contato pelo WhatsApp (15) 99774-1042.

Integra Surdos

Outra iniciativa importante em Sorocaba é a Integra Surdos, fundada em 1993 por um grupo de pais que buscavam criar um espaço de acolhimento para os filhos com deficiência. Com o tempo, a instituição sem fins lucrativos passou a receber cada vez mais pessoas e, então, viram a oportunidade de oferecer cursos de Libras para ouvintes.

De acordo com Aline Marchetti, pedagoga da instituição, a Integra possui em torno de 100 alunos matriculados em seus cursos de Libras, que vão do nível básico ao avançado. Parte da renda arrecadada com os cursos para ouvintes é destinada ao atendimento dos surdos, oferecido gratuitamente.

Atualmente a Integra oferece a 50 alunos surdos, 3 a 75 anos de idade, atendimentos pedagógicos, fonoaudiólogos, psicológicos e de assistência social. Além disso, fazem o encaminhamento ao mercado de trabalho. Com a pandemia, as atividades foram adaptadas e os atendimentos estão sendo realizados de forma online, assim como as aulas dos cursos de Libras.

integra surdos sorocaba e1619450368431

Foto: Divulgação/Integra Surdos

Para a pedagoga, o Dia Nacional da Libras representa uma conquista para os surdos. “Ainda tem muita gente que não tem essa informação, não sabem que os surdos existem, não sabem que eles buscam um espaço dentro da sociedade já faz um tempo, não é de agora. Então esse Dia ele representa muito, muito mesmo, para a comunidade surda”, afirma Aline Marchetti.

Os interessados em conhecer mais sobre a instituição, assim como os cursos de Libras oferecidos, podem entrar em contato pelo WhatsApp (15) 3032-0012 ou comparecer na sede da Integra, localizada na Rua Mascarenhas Camelo, 626, no Centro.

Libras para crianças

Em outubro de 2020, outra iniciativa em prol da comunidade surda foi criada: o Libras Kids, um curso promovido pelo Ampara.in para crianças e adolescentes do residencial Carandá.

O projeto surgiu após Gabriela Pereira, fundadora do Ampara.in, perceber o interesse das crianças do condomínio em aprender como se comunicar com seu filho Benyamin Luiz, de 5 anos de idade, que tem surdez e Síndrome de Down.

Ela então começou a receber as crianças em seu apartamento para ensinar Libras. Atualmente, o curso atende 35 alunos, com 4 a 17 anos de idade. Todos são ouvintes.

“A experiência tem sido incrível, porque as crianças aprendem muito rápido os sinais. Eu ensino através de música, contação de história”, afirma Gabriela.

projeto libras kids caranda e1619450437869

Foto: Divulgação/Ampara.in

O Ampara.in desenvolve um trabalho social com informações para famílias atípicas em Sorocaba, especialmente no Carandá e Altos do Ipanema. Além do curso de Libras, promove todos os anos a Semana da Inclusão, com atividades relacionadas ao movimento da pessoa com deficiência.

O projeto também arrecada alimentos e produtos de higiene e limpeza, que são destinados às famílias assistidas pelo Ampara.in. Para o curso de Libras em específico, são aceitas doações de material didático, máscaras descartáveis e álcool em gel, além de alimentos para o lanche das crianças.

Os interessados em colaborar podem entrar em contato pelo WhatsApp (15) 98830-0469 ou pelas redes sociais do Ampara.in, no Facebook e Instagram.


ir para o topo

Enviar