Bloco Krucatá / Foto: Rafael Benitez

Está aberto o concurso para bolsas remuneradas de estudo de arte

Cultura
03/02/2020
Foto: Divulgação

O projeto “A Loba: Procedimentos sobre o que se traz, o que se leva e o que se deixa” contemplado pela Lei de Incentivo à Cultura de Sorocaba (LINC), edital 2019, da proponente Ivanise de Carlo, promove sua primeira contrapartida, convidando a todxs que tenham interesse em acompanhar um processo de pesquisa teatral (construção do espetáculo e apresentações) para se inscreverem em três bolsas de estudos que serão oferecidas ao público geral da cidade de Sorocaba/SP.

O intuito da ação em questão é fomentar a continuidade das práticas de formação de grupos teatrais da cidade de Sorocaba. Para isso, foi elaborado a frente de bolsistas, que consiste em oferecer embasamento técnico e artístico do que se refere a projeto de pesquisa e produção teatral.

Para artistas e estudantes interessados pela pesquisa em estética contemporânea, o projeto oferecerá a 3 (três) bolsistas uma ajuda de custo de R$ 350,00 por mês, durante 6 meses, 2 vezes por semana, para frequentar todo o processo criativo e trabalhar na técnica do espetáculo. Com contrato assinado por 6 meses de comprometimento com a função, logo o trabalho, a desistência do contratado resultará na devolução do dinheiro recebido.

Data de inscrição: 01 até 10 de fevereiro de 2020.

Divulgação


Como posso concorrer a bolsa de estudos?

Para se inscrever e concorrer a bolsa de estudo x interessadx deverá ser maior de idade, 18 anos, e compor uma carta de interesse de no máximo duas laudas, em formato livre – ou seja, não necessitando ser somente escrito -, respondendo as duas seguintes perguntas: Para onde se direciona a sua formação neste momento? O que te provoca na discussão artística proposta no projeto? Após responder ambas questões o documento deverá ser encaminhando para o e-mail: espetaculo.alobalinc2019@gmail.com.

Como saberei se passei?

A data de divulgação do resultado será no dia 11 de fevereiro, via divulgação nas redes sociais e e-mail, para xs aprovadxs.

Como será o processo de seleção?

Todxs xs integrantes do projeto “A Loba: Procedimentos sobre o que se traz, o que se leva e o que se deixa” irão ler as cartas de interesse dxs concorrentes e separar os seus três escolhidxs. Xs concorrentes que estiverem em mais listas dxs integrantes serão aprovados e em seguida convocados. Caso haja empate, será discutido e estudado caso a caso.

Quais os dias que devo em comprometer com o projeto?

Na fase inicial do projeto, fevereiro até abril, os ensaios ocorrerão duas vezes por semana, quarta e sexta-feira, das 19h às 22h, em Sorocaba/SP. Porém, caso haja qualquer espécie de alteração, os Bolsistas serão comunicados previamente para verificação de uma possível disponibilidade em suas agendas.

Como receberei?

Em três parcelas (março, maio e julho)

E se eu tiver uma duvida sobre o processo de inscrição, o que eu faço?

Entrar em contato através do e-mail espetaculo.alobalinc2019@gmail.com que será respondido em no máximo um dia.

Divulgação


Sobre o projeto

O projeto “A Loba: Procedimentos sobre o que se traz, o que se leva e o que se deixa”, é a segunda fase de uma possível trilogia, tendo iniciado com o espetáculo “Mariposa: Procedimentos que se transforma com o tempo”. Nesta segundo momento, para realização e continuidade da pesquisa, as três atrizes que compõe o elenco se debruçam, inicialmente, em três contos populares para construir diálogos e projeções dos conceitos que serão desenvolvidos no trabalho cênico, sendo eles: “La Loba, a mulher loba”, “A Mulher – esqueleto” e “Corpo jubiloso: a carne selvagem”, todos os três extraídos do livro “As mulheres que correm com os lobos: Mitos e histórias do arquétipo da mulher selvagem” de Clarissa Pinkola Estes (ESTES, 1994). Sendo assim, os contos serão norteadores da dramaturgia e encenação, servindo como livre modelo de ação para experimentação cênicas e dialogando com a pesquisa do corpo, ao passo que busca também friccionar um seguinte tema pertinente às atrizes: as transformações do corpo.

O objetivo do projeto, além de apresentar a pesquisa em espaços plurais para público diverso, estimula-lo ao exercício de reflexão, tornando-o atuante, crítico e transformador do seu contexto a partir de uma abordagem da arte contemporânea. Para tal, será proposto por meio da intersecção entre as linguagens da dança, teatro e performance, discussões sobre corpo, arte e cultura, pautado em um diálogo sobre corporeidade, demandas de composição, dramaturgia do corpo e expressividade.