Conheça a programação do Festival SESC Melhores Filmes 2014

13/05/2014

Olá, jovens!

Nada como começar a semana com notícia boa. Começa hoje e vai até o dia 18 de Maio o Festival SESC Melhores Filmes, aqui em Sorocaba. É a chance de assistir a filmes que não entraram em cartaz, ou que ficaram pouco tempo nos cinemas da cidade. Também dá pra rever alguns grandes sucessos de crítica do ano passado. As entradas custam R$ 6,00 a inteira, R$ 3,00 a meia ou grátis se você for associado, para cada filme.

São 6 dias e 9 filmes, numa programação que inclui cinema nacional, indicados ao Oscar, animação, documentário, e o mestre Werner Herzog. Vamos falar de alguns dos filmes:

13/05 – 20h | Frances Ha

Frances Ha entrou na minha lista de 15 melhores filmes do ano passado. É uma comédia gostosinha, com ares de sitcom americana, onde Frances, dançarina que divide um apartamento com sua melhor amiga, precisa lidar com o fato de que a amiga de uma vida inteira, vai se mudar. Os diálogos e situações improvisadas entre as duas dão o tom do filme. A fotografia em PB deixa o longa elegante, mas mantendo a simplicidade. Frances Ha conquista por ser um retrato contemporâneo que podia acontecer em qualquer cidade do mundo, com qualquer pessoa. Inclusive com o espectador.

barra - post burguers

15/05 – 20h | Azul é a Cor Mais Quente

Esse também estava na minha lista. O filme mais comentado da internet durante o ano passado, Azul narra a história de Àdele, adolescente de 15 anos que se vê envolvida com a garota dos cabelos azuis, Emma, numa paixão arrebatadora. De câmera na mão, o filme acompanha de perto toda a saga, não só dessa relação, mas da vida adolescente da personagem principal. Angústias, lágrimas, felicidade e muita entrega das duas atrizes marcaram a produção, especialmente nas cenas mais quentes. Safadinhos de plantão, por favor, fiquem longe. As cenas são lindas e extremamente contextualizadas.

barra - post burguers

17/05 – 17h30 e 20h30 | Caverna dos Sonhos Esquecidos

Grande sensação da 35ª Mostra Internacional de Cinema de São Paulo, o documentário do alemão Werner Herzog vai ao centro da Terra. Especialistas descobriram em 1994, a Caverna de Chaveut. Por mais de 20 mil anos, a caverna esteve escondida, e logo que descoberta, restrita aos arqueólogos. O governo francês autorizou que apenas Werner entrasse lá, e documentasse os desenhos mais antigos da existência humana, que se tem notícia. Um deleite para os curiosos e aventureiros.

barra - post burguers

18/05 – 16h30 | O Som ao Redor

Poucos tiveram a chance de assistir ao filme. Não me recordo, sinceramente, do filme ter entrado em cartaz em Sorocity. Porque é importante? O longa de Kleber Mendonça foi nada mais nada menos do que o filme brasileiro escolhido para representar o Pais na premiação do ano passado. Som é uma narrativa muito curiosa, de uma rua no Recife que inesperadamente é dominada por uma milícia. Nessa rua mora Bia, uma mãe extremamente incomodada com o barulho do cachorro do vizinho. Amor, violência e bastante som. Tudo se mistura na tela, num ritmo que é raro no cinema brasileiro. Vale demais o ingresso.

barra - post burguers

18/05 – 19h | Amor

Esse é para os românticos e para os que estão dispostos a chorar. Amor narra a bela história de Anne e Georges, casal de 80 anos, morador de Paris. Não tenho como falar do filme sem dar spoilers. Amor foi indicado ao Oscar de Melhor Filme e venceu na categoria de Melhor Filme Estrangeiro. Para os de coração duro, recomendo a ida até a sala. Impossível ficar impassível perante à categoria de Michael Haneke na direção dos veteranos atores. É pra fechar com chave de ouro.

barra - post burguers

O festival ainda tem Repare Bem, Tatuagem, Zarafa e Doméstica.
A programação completa está aqui: clique e confira

Até a próxima.

ir para o topo

Enviar